© José Adelino Maltez, Crónica do Pensamento Político, editada em Dili, na ilha do nascer do sol, finais de 2008

 

 

1159: Papa Alexandre III

 

 

 

1150 1151 1152 1153 1154 1155 1156 1157 1158 1159   1160

 

   Século XI  Linha do Tempo    Século XIII

  Afonso VIII, rei de Castela (1156-1214)

Abdul-Mu'min (1145-1163) almóhada

Luís VII, le Jeune, rei de França (1137-1180)

Henrique II, Plantageneta, rei de Inglaterra (1154-1189)

Papa Adriano IV

Papa Alexandre III

Frederico I Hohenstaufen Barba Roxa, Friedrich Barbarossa (1152-1190)

 

Nova revolta de Milão. Cerco a Crema.

 Reinado de D. Afonso Henriques

Rei apodera-se de Évora e Beja, mas logo abandona as conquistas.

Pacto de Sahagun entre os reis de Leão e Castela, projectando divisão entre os dois das conquistas que fizessem aos muçulmanos. Portugal entra no bolo.

D. Afonso Henriques ocupa Tuy. 

 

 

 

Com o papa Alexandre III (1159-1181)*, antigo professor de direito canónico em Bolonha, como  Rolando Bandinelli, surge o confronto com o imperador Frederico I, Barba Roxa, numa altura em que já é marcante o chamado renascimento do direito romano. Eleito em 7 de Setembro.

 

Eleito o antipapa Vítor IV (7 de Setembro). Até 1164. 
 

© Editado por José Adelino Maltez em Dili, Universidade Nacional de Timor Leste, ano de 2008

 

Última revisão:15-02-2009