© José Adelino Maltez, Crónica do Pensamento Político, editada em Dili, na ilha do nascer do sol, finais de 2008

 

 

1162: Entre Fernão Gonçalves e Gualdim Pais. Frederico I em Milão.

 

Thomas Beckett

 

1158 1159 1160 1161 1162   1163 1164 1165  1166 1167 1168 1169 1170

 

   Século XI  Linha do Tempo    Século XIII

  Afonso VIII, rei de Castela (1156-1214)

Abdul-Mu'min (1145-1163) almóhada

Luís VII, le Jeune, rei de França (1137-1180) 

Henrique II, Plantageneta, rei de Inglaterra (1154-1189)

Papa Alexandre III

Frederico I Hohenstaufen Barba Roxa, Friedrich Barbarossa (1152-1190)

Frederico I Barba Roxa conquista Milão que recusara as disposições de Roncaglia de 1158.

Aliança de Frederico, Pisa e Génova contra Guilherme da Sicília.

Chega a ser projectada uma entrevista de Frederico e de Luís VII, para resolução do cisma.
 

Ladislau II, rei da Hungria (1162-1163). 

 Reinado de D. Afonso Henriques

Reconquista de Beja (2 de Dezembro). Rei utiliza cavaleiros-vilãos de Fernão Gonçalves.

Rei ocupa a região galega de Límia.

Morte de São Teotónio (18 de Fevereiro)

Gualdim Pais, mestre dos templários, concede foral aos povoadores de Tomar.

Reforma cisterciense no mosteiro de S. Cristóvão de Lafões. 

 

 

 

Thomas Becket*, chanceler do rei, é nomeado Arcebispo de Canterbury.

 

Gengis Khan (1162-1227).

Episcopado de D. Miguel Pais Salomão, em Coimbra (1162-1177), construtor da Sé velha da cidade. 
 

© Editado por José Adelino Maltez em Dili, Universidade Nacional de Timor Leste, ano de 2008

 

Última revisão:15-02-2009