© José Adelino Maltez, Crónica do Pensamento Político, editada em Dili, na ilha do nascer do sol, finais de 2008

 

 

 

1598: Edicto de Nantes e Filipe III de Espanha

 

 

1588 1589 1590 1591 1592 1593 1594 1595 1596 1597 1598   1599 1600

 

Século XV Linha do Tempo Século XVII

 Henrique IV, rei de França (1589-1610)

Isabel I, rainha de Inglaterra (1558-1603)

Jaime Stuart, como Jaime VI, rei da Escócia (1567-1625)

Rudolfo II, Habsburgo, imperador alemão (1576-1612)

 
 

Edicto de Nantes (13 de Abril) concede liberdade de culto aos huguenotes, mas com direito a praças de segurança e milícias próprias. Será revogado em 1685 por Luís XIV.

Paz franco-espanhola de Vervins (2 de Maio). Uma reedição do tratado de Cateau-Cambrésis. Madrid renuncia a qualquer pretensão sobre a França).

Bélgica Entre 1598 e 1633 os territórios são governados pelos arquiduques Alberto e Isabel;

Espanhóis desembarcam na Irlanda. Os ingleses são derrotados na batalha de Yellow Ford (Agosto).

Joaquim Frederico, Hohenzollern, eleitor do Brandeburgo (1598-1608).

 

Guerra entre a Suécia, liderada pelo regente Carlos, e a Polónia, de Segismundo Vasa, que é derrotado na batalha de Stångebro (25 de Setembro).

Judeus expulsos de Génova (8 de Janeiro).

A igreja russa desliga-se de Constantinopla. Moscovo é canonicamente dita Terceira Roma.

Boris Godunov na Rússia (1598-1605). Eleito pela zemski sobor (7 de Janeiro).

Os Mapuches do Chile inflingem pesadas derrotas aos espanhóis na Araucania, na batalha de Curalaba (21 de Dezembro).

Coreanos vencem os japoneses.

Capital efectiva do Japão passa para Yedo, até então simples porto de pesca.

 

 

Início da chamada "Peste pequena" que dura até 1603.

Morte de D. Filipe I de Portugal e II de Espanha. 

Filipe II de Portugal e III de Espanha (1598-1621)*. sobe ao trono. Casa com a prima, Margarida de Áustria. A filha, Ana maurícia, será esposa de Luís XIII de França.

O principal governante, seu valido, vai ser o duque de Lerma, Francisco Gomes de Sandoval y Rojas (até 1618).

Cerco da barra de Lisboa pelos ingleses.

Começam ataques holandeses ao Brasil. Ocupam também várias zonas do nosso Império no Oriente. Neste ano, a coroa espanhola tinha ordenado que navios e fazendas holandesas fossem confiscadas.

Restabelecimento do monopólio régio sobre o comércio da Ásia.

Acalmia na perseguição aos cristãos no Japão. Até 1614.

Sismo em Lisboa.

  

Jaime Stuart, The True Law Of Free Monarchies.

Martim de Carvalho Vilas-Boas, Espejo De Principes Y Ministros, Milão.  O autor, natural de Guimarães, estuda direito em Milão. Assume-se como crítico do maquiavelismo, considerando a razão de Estado como uma invenção demoníaca, e aceitando que o poder está ao serviço de Deus.

 

António Ferreira, Poemas Lusitanos.

 

Botero, Discorso della neutralità.

 

Nasce o bandeirante António Raposo Tavares, em Beja. Morre em 1658.
 

© Editado por José Adelino Maltez em Dili, Universidade Nacional de Timor Leste, ano de 2008

 

Última revisão:15-02-2009