© José Adelino Maltez, Crónica do Pensamento Político, editada em Dili, na ilha do nascer do sol, finais de 2008

 

 

620-629: Hégira e Bizantinos expulsos da península ibérica

 

 

 

 

610-619 620-629    630-639 640-649 650-659 660-669 670-679 680-689 690-699 700-709

 

Séculos I a V  Linha do Tempo   Século XI

   
Hégira (Hijra): Maomé sai de Meca (16 de Julho 622) e instala-se em Medina (24 de Setembro).

Começam as campanhas de Heraclio na Ásia (622).

Maomé derrota as tropas de Meca em Badr (624).

Vence, em seguida, a batalha de Ohod ou Uhhud (625).

Ávares cercam Constantinopla (626). Em 567 tinham destruído o reino dos Gépidas. Serão submetidos por Carlos Magno (791-796). Acabarão destruídos pelos Morávios, desaparecendo da história em 827.

Sobe ao poder Li Che-Min na China (626).

Reinado de Dagoberto I, filho de Clotário II (628-639). Rei da Austrásia (622-628) e rei dos Francos (628-639).

Heraclio impõe paz à Pérsia que entra em guerra civil (629).

Clóvis II, rei da Nêustria (629-657). 
Recaredo II, rei visigodo de Toledo 621.

Suintila, rei visigodo de Toledo 621-631. Expulsa os Bizantinos do Sul da Península Ibérica (628) 
O budismo, religião oficial do Japão (621).

 

Papa Honório I (625-638).

 

Morte de Santo Isidoro de Sevilha (4 de Abril de 626).

Conversão do norte da Nortúmbria (627). 
 

© Editado por José Adelino Maltez em Dili, Universidade Nacional de Timor Leste, ano de 2008

 

Última revisão:15-02-2009