© José Adelino Maltez, Crónica do Pensamento Político, editada em Dili, na ilha do nascer do sol, finais de 2008

 

 

 

    

770-779: Destruição do reino dos lombardos. Batalha de Roncesvalles

 

 

700-709 710-719  720-729 730-739 740-749 750-769 760-769 770-779    780-789  790-799 

 

Séculos I a V  Linha do Tempo   Século XI

  Carlos Magno, rei dos francos (768-814) 

Carlos Magno, rei único dos francos (771) e dos Lombardos, depois de derrotar Desidério (774).

Revolta de Vitiquindo no Saxe (772).

Começam as campanhas de Carlos Magno no Saxe (772).

Levantamento dos iemenitas contra Abderramão I (774).

Leão IV o Khazar, porque filho de uma Khazar, substitui Constantino V, como Imperador do Oriente (775-780). Modera a perseguição iconoclasta, desencadeada pelos seu avô, Leão III, por influência da esposa, Irene.

Mahomet I Mahadi (755-785), filho de Al-mansur (754-775).

Baptismo do rei búlgaro Telerig em Constantinopla (777).

Leão V invade a Síria (778). Vence os Árabes na batalha de Germanicia. Expulsa-os da Anatólia.

 

Última revolta dos Yahshubis e retorno à hegemonia omíada (773-774). 
Silo, rei das Astúrias (774-783). Há uma revolta local na Galiza, mas os rebeldes são derrotados na batalha de Monte Cupeiro.

Expedição de Carlos Magno* a Saragoça. Batalha de Roncevaux (15 de Agosto de 778). Emboscada dos bascos aos carolíngios. Morre Roland, dando origem à Chanson de Roland (1095-1100). 
Papa Adriano I (772-795). Um romano aliado a Carlos Magno.

Aparece a numeração Árabe  (773). 
 

© Editado por José Adelino Maltez em Dili, Universidade Nacional de Timor Leste, ano de 2008

 

Última revisão:15-02-2009