1966
 

Outubro
NATO em Bruxelas e livro vermelho na China

 

 

Proclamada a independência do reino do Lesotho, antiga Basotulândia (4 de Outubro)

RFA: ministros do FDP demitem-se do governo de Erhard, por divergências quanto ao orçamento (27 de Outubro). Os ministros do FDP, retiram-se da coligação, surgindo um novo governo, resultante de uma coligação dos democratas-cristãos com o SPD, sob a presidência de Kurt-Georg Kiesinger (01-12-1966), com Willy Brandt nos estrangeiros e Franz-Joseph Strauss nas finanças. Durará até Outubro de 1969.

ONU retira à África do Sul o mandato que detinha sobre a Namíbia, o antigo Sudoeste Africano (27 de Outubro). O regime de Pretória não acata a decisão.

Itália: fusão dos dois partidos socialistas (30 de Outubro)

 


Sede da NATO transferida para Bruxelas (Outubro)

China: Lin Piao promove a distribuição o pequeno livro vermelho com os pensamentos de Mao (4 de Outubro)

Auto-crítica do presidente da república Liu Shao Chi*, onde declara a derrota (23 de Outubro)

 

 

Janeiro Fevereiro Março
Abril Maio Junho
Julho Agosto Setembro
Outubro Novembro Dezembro

Ver síntese do ano

 

 

©  José Adelino Maltez, História do Presente (2006)

© José Adelino Maltez. Cópias autorizadas, desde que indicada a origem. Última revisão em: