O ano europeu de 1987, quando também se comemorava o 30º aniversário do Tratado de Roma e entra em vigor o Acto Único (1 de Julho de 1987), parecia ser o tempo de pensar a Europa, conforme o título do livro de Edgar Morin, então aparecido, enquanto outros até reclamam a necessidade de descolonizar a mesma Europa (Bénoist, 1987). Começa-se com Jacques Delors a apresentar no Parlamento Europeu uma comunicação da Comissão intitulada Réussir l'Acte Unique Européen. Une Nouvelle Frontière pour l'Europe (18 de Fevereiro de 1987) e com uma carta do mesmo presidente da comissão aos governos dos Estados Membros sobre as dificuldades orçamentais das Comunidades (10 de Abril de 1987).

Entretanto, no Conselho Europeu de Bruxelas (30 de Junho de 1987), onde participa oficialmente, pela primeira vez,  o presidente do Parlamento Europeu, faz-se uma análise da mesma comunicação, onde se prevê a instauração de um mercado interno e a aplicação do princípio da coesão económica e social, chegando-se a um consenso entre 11 Estados membros sobre a matéria, com excepção do Reino Unido.

Já no Conselho Europeu de Copenhaga (5 de Dezembro de 1987) dão-se progressos substanciais nos domínios das reformas da política agrícola comum, dos fundos estruturais e do orçamento comunitário, falhando contudo um acordo completo, apenas conseguido em Fevereiro de 1988.

Em termos de dynamics of european union (Pryce, 1987), pouco mais há a acrescentar, salvo o facto da Turquia ter apresentado formalmente a sua candidatura de adesão à CEE (14 de Abril de 1987) e de Kohl ter feito  uma proposta de criação de uma brigada franco-alemã, que é favoravelmente acolhida pelo governo francês (19-o6-1987).

A Espanha adere ao SME (13 de Maio de 1987). No Reino Unido, Margaret Thatchter vence, pela terceira vez, as eleições (12 de Junho de 1987)

 

Cronologia oficial da história da União Europeia

Recortes da história oficiosa do Centre Virtuel de la Connaissance sur l’Europe (CVCE)

1987

 

Ano Europeu do Ambiente

 

© José Adelino Maltez. Cópias autorizadas, desde que indicada a origem. Última revisão em: