Remodelação– Em 7 de Julho: Marcello Caetano como ministro da presidência; Veiga de Macedo nas corporações; António Pinto Barbosaö na economia, tendo como subsecretários de Estado Jacinto Nunes e José Gonçalo Correia de Oliveira (n. 1921); Raúl Ventura no ultramar. Leite Pinto assume a pasta da educação.

Conforme o comentário de Marcelo Rebelo de Sousa, é quase um Governo escolhido por Marcello Caetano...é o marcelismo, mitigado por alguns salazaristas. Por  outras palavras, a modernização vai chamar-se televisão e Plano de Fomento, ao ritmo da OECE e sob o impulso do chamado Grupo da Choupana, nome do restaurante do Estoril onde se reuniam os marcelistas que se assumem como direitistas e republicanos.

 

Projecto CRiPE- Centro de Estudos em Relações Internacionais, Ciência Política e Estratégia. © José Adelino Maltez. Cópias autorizadas, desde que indicada a origem. Última revisão em: 31-03-2009