1846 O Espectro

Surge o jornal-panfleto Espectro, dirigido por António Rodrigues Sampaio em Dezembro. Distribui-se clandestinamente e imprime-se em vários lugares, nomeadamente numa fragata surta no Tejo. Aí se fazem ferozes ataques à família reinante: a realeza vilipendiada não é somente inútil, é um mal. Porque uma rainha que se declara seis meses coacta em cada ano não é rainha. E o paço é a espelunca de Caco, onde sempre se têm reunido os conspiradores. A púrpura dos reis tem servido para varrer a imundície dos palácios e dos cortesãos mais abjectos.

Projecto CRiPE- Centro de Estudos em Relações Internacionais, Ciência Política e Estratégia. © José Adelino Maltez. Cópias autorizadas, desde que indicada a origem. Última revisão em: 03-05-2007