1858 Coligados

Os coligados. Em Abril, anuncia-se a criação de uma frente ampla oposicionista, com os cabralistas, do partido cartista, onde António Bernardo e José Bernardo se reconciliam, a aparecerem em coligação com o partido regenerador e o partido legitimista. Dá-se imediata cisão dos cabralistas, com a saída de António José de Ávila e José da Silva Mendes Leal. Os regeneradores mobilizam a comissão central, presidida por Joaquim António de Aguiar, com Fontes Pereira de Melo, Morais de Carvalho, Rodrigues Sampaio, Andrade Corvo, Martens Ferrão, José Estêvão, Casal Ribeiro, Rodrigo da Fonseca e o conde de Farrobo. Nos cartistas, também aparecia Farrobo, bem como Peniche e Fronteira, surgindo um novo órgão unificado, O Parlamento, que se manterá até 1861. Os legitimistas são liderados pelo conde de Pombeiro.

Projecto CRiPE- Centro de Estudos em Relações Internacionais, Ciência Política e Estratégia. © José Adelino Maltez. Cópias autorizadas, desde que indicada a origem. Última revisão em: 03-05-2007