Patocka, Jan
(1907-1977)

 

 

 

Filósofo checoslovaco, inspirador de Vaclav Havel. Assumindo-se contra o slogan do antes vermelhos que mortos, de certo pacificimo capitulacionista do Ocidente, proclama que uma ideia pela qual não se está disposto a dar a vida, é uma ideia pela qual não vale a pena lutar. Salienta que o segredo da nossa existência europeia foi sempre a falta de uma qualquer certeza quanto ao sentido da história. Porque sempre reagimos, em nome da liberdade, contra os que pensaram poder comandar o sentido da história, por suporem deter o segredo do bem e do mal e que, com inquisições e juntas de providência literárias, trataram de organizar o index ou o compêndio histórico, esse exacto contrário da tolerância e do relativismo.

· Essais Hérétiques sur la Philosophie de l’Histoire

Érika Abrams, trad., Paul Ricoeur, pref., Paris, Éditions Verdier,1981.

· Platon et l’Europe

Alencon, Vercier,1983.

 

 

Voltar início

Cosmopolis  © José Adelino Maltez, História do Presente (2006)

© José Adelino Maltez. Cópias autorizadas, desde que indicada a origem. Última revisão em: 19-03-2009