Pétain, Philippe
(1856-1951)

 

 

 Henri Philippe Omer Pétain. Marechal de França. Vencedor de Verdun. Embaixador em Madrid desde 1939. Chamado por Paul Reynaud para o cargo de vice-presidente do conselho em 18 de Maio de 1940, depois da derrota francesa. Toma posição contra Reynaud que pretendia continuar a luta nas colónias e assume a presidência do conselho de ministros em 16 de Junho. Assina o armistício em 22 de Junho. Em 10 de Julho a Assembleia Nacional dá plenos poderes ao marechal, então com 84 anos, que passa a assumir o título de Chefe de Estado. Inaugura a chamada revolução nacional, chamando ao governo os tecnocratas.

Tem como lema a tríade Trabalho, Família, Pátria. Em 8 de Julho de 1941 no Conseil National de la Réforme Constitutionnel considerava que um povo não é um número determinado de indivíduos arbitrariamente contados no seio do corpo social, mas antes uma hierarquia de famílias , de profissões, de comunas , de responsabilidades administrativas, de famílias espirituais, articuladas e federadas para formar uma pátria animada de um movimento, de uma alma, de um ideal, motores do futuro para produzir em todos os escalões uma hierarquia de homens que se seleccionam pelos serviços prestados à comunidade. Condenado a prisão perpétua, morre no cárcere de Yeu em 23 de Julho

 

Voltar início

Cosmopolis  © José Adelino Maltez, História do Presente (2006)

© José Adelino Maltez. Cópias autorizadas, desde que indicada a origem. Última revisão em: 19-03-2009