© José Adelino Maltez, Crónica do Pensamento Político, editada em Dili, na ilha do nascer do sol, finais de 2008

 

 

 

1437: Cativeiro do infante D. Fernando

 

Infante D. Fernando

 

 

1428 1429 1430 1431 1432 1433 1434 1435 1436 1437   1438 1439 1440

 

  Século XIV  Linha do Tempo    Século XVI

 Carlos VII, le Victorieux, rei de França (1422-1461)

Henrique VI, rei de Inglaterra (1422-1461 e 1470-1471)

Jaime II da Escócia (1437-1460)

Branca I (1425-1446), rainha de Navarra. João II de Aragão (1425-1479), rei de Navarra.

Segismundo I Luxemburgo (1410-1437)

 
Papa Eugénio IV (1431-1447)

Filippo Maria Visconti, duque de Milão (1412-1447)

Afonso IV, o Magnânimo, rei de Aragão e da Sicília  (1416-1458)

 

Entrada triunfal de Carlos VII em Paris (12 de Novembro)

Morte do imperador Segismundo, o último dos Luxemburgo.

Jorge de Podiebrad alia-se a Bárbara de Cilleym viúva do Imperador Segismundo, para que seja excluído da sucessão o genro, Alberto II.

 

Sucede-lhe Alberto II (1437-1439), casado com Isabel, filha de Segismundo. Os Habsburgos, assim fundidos com a casa Luxemburgo, passam a ocupar ininterruptamente o império alemão. Como Alberto VI, assume-se rei da Boémia e da Hungria, sendo, como base, Alberto V, duque da Áustria. Coroado rei dos Romanos em 1438. Morre em 1439.

 

Rebelião mata o rei Jaime I da Escócia (20 de Fevereiro). Sucede-lhe Jaime II (1437-1460). Tem então seis anos de idade.

Reinado de D. Duarte

Fracasso na conquista de Tânger. Prisão do Infante D. Fernando*. A expedição, depois de proclamada solenemente a Cruzada, em 16 de Julho, parte do Restelo em 22 de Agosto. Chega a Ceuta no dia 27 e sai para a falhada conquista em 9 de Setembo.

O Infante D. Henrique tem de aceitar tratado de paz entre Portugal e os Mouros de Tânger (16 de Outubro). Deixa o irmão, o Infante D. Fernando como refém, para a entrega de Ceuta, conforme o acordado. Terá seis anos de cativeiro.

Em fins de 1438, por ocasião da morte de D. Duarte, o respectivo testamento opta pela entrega de Ceuta, havendo negociações. Contudo, o regente D. Pedro, por conselho do Infante D. Henrique, opta por nova expedição.

O Infante D. Fernando vai morrer em 5 de Junho de 1443. 
Concílio iniciado de Basileia é transferido para Ferrara.

 

Isaac Abravanel (1437-1508)

 

D. Duarte, Leal Conselheiro.

Nicolau de Cusa, representante do Papa no Oriente.  
 

© Editado por José Adelino Maltez em Dili, Universidade Nacional de Timor Leste, ano de 2008

 

Última revisão:15-02-2009