© José Adelino Maltez, Crónica do Pensamento Político, editada em Dili, na ilha do nascer do sol, finais de 2008

 

 

1732: Corte russa regressa a S. Petersburgo

 

Ana da Rússia

 

1728 1729 1730 1731 1732   1733 1734 1735 1736 1737 1738 1739 1740

  Século XVI  Linha do Tempo

 

Jorge II, rei britânico (1727-1760)

 

 Luís XV, rei de França

 

Filipe V, Bourbon, rei de Espanha (1700-1724 e 1724-1746)

Imperador Carlos VI (1711-1740)

 
 

Fundação da colónia inglesa da Geórgia.

 

Tropas austríacas abandonam o ducado de Parma

Corte russa regressa a São Petersburgo com Ana* 

Reinado de D. João V

Começa a construção do Aqueduto das Águas Livres (Agosto). 

Começa a construção da Igreja dos Clérigos (Abril). Até 1758. A torre monumental, começada em 1748 é concluída em 1763, sob a orientação de Nasoni.

Censo dá 2 143 368 portugueses do reino.

Explosão do paiol de Campo Maior (16 de Setembro).

Greve dos pedreiros de Mafra.

Grande sismo em Loulé (27 de Dezembro).

 

Fica sanado o conflito com a Santa Sé pela chegada a Lisboa de novo Núncio (16 de Setembro)

 

Descoberta de diamantes na Baía.

Conselho Ultramarino alarmado com a emigração para o Brasil.

Alvará proíbe a vinda para o reino de mulheres residentes no Brasil (10 de Março).

 
José de Seabra da Silva (1732-1813) ö1767.

 

Jacques Necker (1732-1804).

 

Pierre Augustin Caron de Beaumarchais (1732-1799)ö1774.

 

 

Mandeville, A Letter to Dion

 

Idem, An Enquiry into the Origin of Honour, and the Usefulness of Christianity in War.

 

Benjamin Franklin, Poor Richard’s Almanach 
© Editado por José Adelino Maltez em Dili, Universidade Nacional de Timor Leste, ano de 2008

 

Última revisão:15-02-2009