© José Adelino Maltez, Crónica do Pensamento Político, editada em Dili, na ilha do nascer do sol, finais de 2008

 

 

1305: William Wallace

 

 

1300 1301 1302 1303 1304 1305  1306 1307 1308 1309 1310

 

Século XIII  Linha do Tempo    Século XV

 

Luís I (1305-1316), rei de Navarra

Osman I, sultão dos turcos (1299-1326) 

 

Clemente V (1305-1314)

Venceslau ou Vaclav III o Checo, rei da Hungria (1301-1305). Otão I o Bávaro, rei da Hungria (1305-1307) 

Frederico II (1296-1336), rei de Aragão e da Sicília

Filipe IV, le Bel, rei de França (1285-1314)

 

Eduardo I Plantageneta, rei de Inglaterra (1272-1307)

Convocado o primeiro parlamento da Escócia por Robert I Bruce (16 de Março).

William Wallace* é capturado (5 de Agosto) e depois executado pelos ingleses.

Filipe IV entrega a Flandres a Robert de Béthune, recebendo Lille e Douai.

Luís I (1305-1316), rei de Navarra

Otão I o Bávaro, rei da Hungria (1305-1307) 

Reinado de D. Dinis

Rei determina que, além dele, ninguém possa armar cavaleiros-vilãos dos concelhos, proibindo os nobres de tal prática.

Publicado o regimento dos tabeliões.

Concessão a italianos da pesac do atum 
Clemente V é feito papa em 5 de Junho (1305-1314). De novo, um francês, Bertrand de Got, até então arcebispo de Bordéus. Toma a decisão de considerar Roma como uma cidade pouco seguro e instala-se em Avinhão.

Filipe o Belo pretende que o conclave processasse o anterior Papa.

 

Pierre Dubois, De Recuperatione Terrae Sanctae (1305-1307).

Frescos de Giotto na Igreja de Sta. Maria de Pádua. 
 

© Editado por José Adelino Maltez em Dili, Universidade Nacional de Timor Leste, ano de 2008

 

Última revisão:15-02-2009