© José Adelino Maltez, Crónica do Pensamento Político, editada em Dili, na ilha do nascer do sol, finais de 2008

 

 

 

1719: Robinson Crusoe

 

Daniel Defoe

 

 

1710 1711 1712 1713 1714 1715 1716 1717 1718 1719   1720

 

  Século XVI  Linha do Tempo

 

 Luís XV, rei de França

 

Jorge I (1714-1727), rei britânico.

Filipe V, Bourbon, rei de Espanha (1700-1724)

Imperador Carlos VI (1711-1740)

 
 

França em guerra com a Espanha (Janeiro).

 

Criada a companhia francesa das Índias (Maio).

 

Nova rebelião jacobita escocesa, derrotada na batalha de Glen Shiel (10 de Junho).

 

Ulrike Eleonore, rainha da Suécia (1719-1720).

 

Russos derrotam os suecos na batalha naval das ilhas Osel (4 de Junho).

 

Na Polónia, entre 1719 e 1733, surgem várias medidas discriminatórias que afastam os ortodoxos das funções públicas.

 

 

 

Liechenstein (Furstentum Liechenstein). O principado foi instituído em 23 de Janeiro de 1719 pelo imperador Carlos VI, tendo integrado o Sacro Império, a Confederção do Reno, entre 1807 e 1814, e a Confederação Germânica, a partir de 1815; o pincipado, soberano desde 1866, está agregado à Suiça nos domínios monetário e diplomático desde 1921.

 

Reinado de D. João V

Casamento do futuro Fernando VI de Espanha com a Infanta Dona Maria Bárbara de Bragança (19 de Janeiro)

Parte de Haia para Madrid D. Luís da Cunha na qualidade de Embaixador Extraordinário (16 de Fevereiro).

 

Criada a diocese do Grão-Pará.

 

Fundada a Feira do Zumbo em Moçambique. 
John Theophilus Desaguliers, um huguenote francês, emigrado, Grão-Mestre da Grande Loja britânica.

 

Eleito grão-mestre da Grand Lodge, John Teofilus Desaguliers.

Frederico Guilherme abole a servidão nos territórios  nobres da Prússia.

 

Daniel De Foe*, Robinson Crusoe (publicado em 25 de Abril). 
 

© Editado por José Adelino Maltez em Dili, Universidade Nacional de Timor Leste, ano de 2008

 

Última revisão:15-02-2009