1979
 

Abril
Papa na Polónia e queda de Pol Pot e Idi Amin

 

 

Irão: instaurada a república islâmica em Teerão (1 de Abril)

Governo de Wielfred Martens na Bélgica (3 de Abril)

China denuncia formalmente tratado sino-soviético de 1950 (3 de Abril)

Polónia: João Paulo II visita Varsóvia, sendo delirantemente acolhido (Abril)

Cambodja: derrubado Pol Pot (5 de Abril)

Queda de Idi Amin no Uganda (11 de Abril de 1979). Foge para a Líbia, depois de cinco meses de guerra com a Tanzânia.

Eleições plurirraciais na Rodésia (17 e 21 de Abril)

Conselho nacional do PSD na Guarda. Sá Carneiro ataca a intervenção presidencial, defende eleições antecipadas, retira confiança à direcção do grupo parlamentar e faz um convite a António Sousa Franco para se desvincular do PSD (1 de Abril). 37 deputados do PSD passam a independentes. Hão-de criar a ASDI (4 de Abril). Barbosa de Melo e Costa Andrade abandonam o PSD (9 de Abril).

CDS – Freitas Amaral propõe a constituição de uma Frente Democrática Eleitoral (11 de Abril).

 Reformadores – António Barreto, Medeiros Ferreira e Francisco Sousa Tavares apresentam o Manifesto Reformador, onde propõem a constituição de uma Frente Democrática Reformadora, tendo em vista a criação de um governo com autoridade e estabilidade (12 de Abril). Isto é, depois de entradas à esquerda, dos sampaístas, dão-se saídas à direita, dos reformadores, com o faro do animal político que é Mário Soares, a usar como defesa o clássico divide et impera.

 

 

 

Janeiro Fevereiro Março
Abril Maio Junho
Julho Agosto Setembro
Outubro Novembro Dezembro

Ver síntese do ano

©  José Adelino Maltez, História do Presente (2006)

© José Adelino Maltez. Cópias autorizadas, desde que indicada a origem. Última revisão em: