1951
 

Fevereiro

Da ascensão de Nkrumah ao começo das negociações para a CED

 

República Popular da China considerada agressora pela ONU (1 de Fevereiro)

Partido independentista da Costa do Ouro, liderado por NKrumah, que estava preso, obtém vitória eleitoral (10 de Fevereiro).

Conferência Mundial Islâmica reunida no Paquistão declara apoio aos independentistas de Marrocos e da Tunísia (13 de Fevereiro)

Juho Paasikivi* reeleito presidente da República na Finlândia (15 de Fevereiro)

Iniciadas em Paris as negociações para a instituição da CED com a participação da Bélgica, França, Itália, Luxemburgo e Alemanha, juntamente com seis países observadores (EUA, Canadá, Dinamarca, Noruega, Reino Unido e Países Baixos) (15 de Fevereiro)

Começa a nacionalização da indústria siderúrgica britânica (15 de Fevereiro)

Comunistas Em Fevereiro, O Avante considera que Mário Soares, Fernando Piteira Santos, Jorge Borges de Macedo e Francisco Ramos da Costa são oportunistas.

 

Janeiro Fevereiro Março
Abril Maio Junho
Julho Agosto Setembro
Outubro Novembro Dezembro

Ver síntese do ano

 

 

© José Adelino Maltez. Cópias autorizadas, desde que indicada a origem. Última revisão em: