Ver index da Biografia do Pensamento Político

 

Radbruch, Gustav

 

A razão é  um complexo, não de respostas, mas de perguntas e de pontos de vista com os quais avançamos para os dados empíricos

1878-1944

Rechtsphilosophie 1914
 

Radcliff-Brown, Alfred Reginald

 

A estrutura política corresponde a uma função de regulação do todo social e intervem no ponto de fractura do edificio para instaurar ou reinstalar o equilibrio

1881-1955

 

Structure and Fonction in Primitive Society 1952
 

Rangel, José Máximo da Fonseca Pinto

Guerra contra todas as Guerras   1821

Raposo, Hipólito

 

A salazarquia  é um regime de constrangimento que oprime a vida do espírito em Portugal, provocando a dissolução moral que diariamente vamos assistindo

1885-1953

Amar e Servir 1940

Ratzel, Friedrich  

 

Toda a vida do Estado tem as suas raízes na terra, numa terra marcada por três elementos fundamentais: a situação (Lage), o espaço (Raum) e a própria fronteira (Grenze)

1844-1904

Anthropogeographie 1882

Ratzenhofer, Gustav

With this work (Das Wesen and Zweck der Politik) sociology attained its majority. Henceforth, all study of human relations must be rated as provincial, which calculates problems of life with reference to a less comprehensive scheme of interests than his analysis exhibits (Giddings)

1842-1904

Das Wesen und Zweck der Politik 1893

Rawls, John

 

Uma concepção de justiça que generalize e eleve ao mais alto nível de abstracção a teoria bem conhecida do contrato social que encontramos em Locke, Rousseau e Kant

1921-

 

Theory (A) f Justice 1971

Reale, Miguel

 

A vida humana é sempre uma procura de valores. Porque viver é indiscutivelmente optar diariamente, permanentemente, entre dois ou mais valores ... Viver é uma realização de fins

1910-2006

Teoria do Direito e do Estado 1940
 

Rebelo, Diogo Lopes 

m. 1498

Republica (De) Governanda per Regem 1496
 

Recaséns Siches, Luis

O tema do direito natural tem preocupado sempre e em todo o momento a todos os grandes filósofos, aos juristas, à consciência vital dos indivíduos e à opinião pública de todos os povos

1903-1977

Direcciones Contemporáneas del Pensamiento Jurídico 1929
 

Reich Charles

What we do not understand, we cannot control

1928-

 

Greening (The) of America 1970
 

Reich, Robert

The Work of Nations  1991
 

Reich, Wilhelm

Scientific theory is a contrived foothold in the chaos of living phenomena

1897-1957

 

Die Funktion des Orgasmus 1927

Reis, José Alberto dos

1875-1955

 

Ciência Política e Direito Constitucional 1908

Renan, Joseph Ernest

A existência de uma nação é, perdoem-me esta metáfora, um plebiscito de todos os dias, como que a existência de um indivíduo, é uma afirmação perpétua de vida

1823-1892

Qu'est ce q'une Nation? 1882
 

Renard, Georges

 

A instituição é a via média entre as duas doutrinas extremas do imdividualismo e do sociologismo

1867-1943

Théorie de l’Institution 1930

Renouvier, Charles

 

Les gouvernements ne sont que les émanations des peuples ; ils sont les portraits dont les peuples multiplient les originaux

1815-1903

 

Manuel Républicain de l'Homme et du Citoyen 1848
 

Retz, Cardeal

Há épocas em que se tem mudar muitas vezes de partido se se quiser permanecer fiel às suas opiniões

1613-1679

Mémoires 1702
 

Ribadeneyra, Padre Pedro

1527-1611

Tratado de la Religión y Virtudes que debe tener el principe Cristiano para governar y conservar sus Estados. Contra lo que Nicolas Maquiavelo y los Políticos de este tiempo enseñam 1595
 

Ribeiro Álvaro

Onde não houver filosofia não pode haver política, na acepção superior que cumpre conferir à palavra política. Só a filosofia, especialmente a filosofia do Direito, pode determinar inteligentemente a construção do Estado, mediante o qual os homens e os povos hão‑de ser gradualmente libertados do sofrimento, da injustiça e da mediocridade

1905-1981

Reflexões sobre Política Democrática 1929
O Problema da Filosofia Portuguesa 1942

Ribeiro, Darcy

1922-1997

Teoria do Brasil 1972

Ribeiro, João Pinto 

Todas estas Repúblicas particulares concorrerão juntas para que representando‑se nos três estados do Reino...fizessem uma república. Desta República maior, e universal deram ao Principe o governo, e senhorio, pera que lhes administrasse justiça, e os regesse em paz, e concórdia com os melhores deste todo, sobre que havia de reprtir parte do melhor governo, que dele se prometiam, e esperavam

1590-1649

Uzurpação, Retenção e Restauração de Portugal 1642

Ricardo, David 

A permuta liga entre si as diferentes partes do mundo civilizado por meio de laços comuns de interesse, por relações de amizade e faz dele uma única e grande sociedade

1772-1824

 

Principles of Political Economy and Taxation 1817

Richelieu, Cardeal Duque 

Quando se trata da salvação do Estado, é preciso uma virtude máscula que passa, algumas vezes, por cima das regras da prudência ordinária

1585-1642 

Testament Politique 1635

Rickert, Heinrich  

Os homens reconhecem determinados valores como valores e aspiram a produzir bens em que esses valores adiram

1863-1936

Escola de Baden   1870
Os limites da conceituação na ciência natural 1896

Ricoeur, Paul

Toda a razão tem um horizonte sobredeterminado pela crença, havendo um ponto, onde o racional comunica com o mítico, donde deriva toda  uma constituição simbólica do laço social.

1913 

Le Conflit des Intérpretations 1969
 

Rieseman, David

The Lonely Crowd 1950

Rivers, William Halse

1864-1922 Psichology and Politics 1923
 

Rivière, Mercier de la

 

Segurança, propriedade, liberdade são os três pilares da ordem social

1720-1794

 

L'Ordre Naturel... 1767

Robespierre, Maximilien

Tout est changé dans l’ordre physique; et tout doit changer dans l’ordre moral et politique!

1758-1794

Convention 1792
 

Rocha, Manuel António Coelho da

1793-1850

 

Ensaio sobre a História do Governo e da Legislação de Portugal 1834
 

Rochelle, Pierre Drieu La

A Europa se federará ou então se devorará ou será devorada. E as gerações da guerra, que não parecem por aí caminharem, farão isso ou então será tarde demais

1893-1946

 

Le Socialisme Fasciste 1934
 

Rocco, Alfredo

Transformazione (La) dello Stato  1927
 

Rodbertus, Johann Karl 

 

Os Estados são organismos históricos que se constituem por si mesmos e devem estabelecer as próprias leis e os próprios órgãos: por consequência, as funções destes órgãos não podem exercer‑se por si: compete ao Estado dirigi‑las livremente mantê‑las e desenvolvê‑las

1805-1875

As reivindicações das classes trabalhadoras 1837
 

Rokkan, Stein

  Citizens, Elections, Parties 1970
 

Romano Egídio

A autoridade procede de um primeiro motor, donde se comunica, degrau a degrau, até ao último dos seres.

1244-1316 De Regimine Principum 1285

Röpke Wilhelm  

A nação é grande demais para o desenvolvimento de uma verdadeira vida de comunidade livre e de boa vizinhança, para uma verdadeira e duradoura integração que possa subsistir sem degenerar no egoísmo nacionalista. Pequena demais para as relações intelectuais, políticas e económicas que ainda hoje não podem encontrar a sua satisfação a não ser numa comunidade internacional

1899-1966

Internationale Ordnung 1947
 

Rosenau, James

  Turbulence in World Politics 1990
Governance without Government 2000

Rosenberg, Alfred  

As formas do Estado mudam e as leis passam, mas o povo permanece. Donde resulta que a Nação é o princípio e o fim perante o qual tudo o resto deve vergar‑se.

1893-1946

Mythus (Der) des zwanzigstenJharhunderts 1930
 

Richard Newton Rosecrance

1932 The Rise of the Trading State, Commerce and Conquest in the Modern World 1986
 

Rosmini-Serbati, Antonio

 

O fim próximo da sociedade, não é senão um meio para se obter o fim remoto. Não convém nunca, portanto, sacrificar o fim remoto da sociedade ao seu fim próximo de forma subordinada e coerente com o fim remoto

1797-1855

Della Naturale Costituzione della Società Civile 1827

Rougemont Denis de

 

Fazer política não depende da minha escolha, é um dever a que me resigno, forçado pela desordem desta época...a política interessa antes de qualquer coisa, justamente para se lhe tornar possível deixar de ocupar‑se dela

1906-1985

L’Attitude Fédéraliste 1947

Rousseau, Jean-Jacques

 

Le plus fort n'est jamais assez fort pour être toujours le maître s'il ne transforme sa force en droit et l'obéissance en devoir

1712-1778 

Extrait du Projet de Paix Perpétuelle de l'Abbé de Saint Pierre

 

1761
Contrat Social 1762
Projet de Constitution pour la Corse 1765
Considérations sur le Gouvernement de Pologne et sur sa Réformation Projectée 1770
 

Royer-Collard

A monarquia é o rochedo capaz de dar firmeza ao fluido revolucionário e as comunas já existiam antes do Estado

1763-1845

 

Ruas, Henrique Barrilaro

1921

Ideologia. Ensaio de Análise Histórica e Crítica 1960
 

Rueff Jacques

 

Há dois tipos de civilização: as civilizações de verdadeiros direitos e preços livres e as civilizações de falsos direitos e preços controlados

1896-1978

L’Ordre Social 1945
 

Ruggiero, Guido de  

1888-1948

Storia del Liberalismo Europeo 1925
 

Rummel, R. J. 

 

Death by Government

1994

Russell, Bertrand

O verdadeiro liberal não é quem diz isto é verdade, mas sim aquele reconhece ser levado a pensar que nas circunstâncias actuais este ponto de vista é provavelmente o melhor

1872-1970

Power, a New Social Analysis 1938

 

 

© José Adelino Maltez. Cópias autorizadas, desde que indicada a origem. Última revisão em: 05-03-2009