1958
 

Setembro

Entre a V República em França e a FLN na Argélia

 

Constituído o Comité de Organizações Profissionais da CEE, mais conhecido pela sigla COPA (6 de Setembro)

Reunião entre De Gaulle e Adenauer em Colombey (14 e 15 de Setembro). De Gaulle recebeu na sua casa de La Boisserie, em Colombey-les-deux-Églises, o chanceler alemão. Como ele conta na suas Memórias da Esperança, convinha dar um carácter excepcional ao encontro e... para a conversação histórica entre um velho francês e um muito velho alemão, em nome dos dois povos respectivos, o ambiente de uma mansão familiar terá maior significado do que o que teria o cenário de um palácio.

De Gaulle insurgia-se contra a Europa como construção apátrida e Konrad Adenauer terá concordado com ele quanto ao princípio de não confundir as políticas respectivas dos dois países, como haviam pretendido os teóricos da CECA, do Eurátomo e da CED, mas, pelo contrário, de reconhecer que as situações são muito diferentes e de construir sobre essa realidade.

O comunicado final é explícito: temos a convicção que a cooperação estreita entre a República Federal da Alemanha e a França é o fundamento de qualquer obra construtiva na Europa. Pensamos que esta cooperção deve ser organizada e, ao mesmo tempo, incluir as outras nações da Europa ocidental com as quais os dois países têm laços estreitos. A partir daí e até1962 os dois homens de Estado vão encontrar-se mais quinze vezes.

 

De Gaulle, em memorando secreto, propõe a criação de um directório entre ingleses, franceses e norte-americanos para o comando da NATO (24 de Setembro). O memorando, elaborado em 17 de Setembro, é endereçado tanto ao primeiro-ministro britânico, MacMillan, como ao presidente norte-americano, Eisenhower, onde propõe que a NATO passe a ser dirigida pelas três principais potências, que à escala política e estratégica mundial seja instituída uma organização compreendendo: os Estados Unidos, a Grã Bretanha e a França.

Referendo institui a V República em França; aprovada por 80% a nova Constituição; surge a Comunidade Francesa, apenas rejeitada pela Guiné-Conakry (28 de Setembro). Na Argélia, dos 80% de inscritos, houve 97% que optou pelo "sim", sendo a primeira vez que houve participação das mulheres.

Alessandri eleito presidente do Chile, contra Allende (4 de Setembro)

FLN argelina cria um GPRA, Governo Provisório da República Argelina (18 de Setembro)

URSS concede créditos à RAU para a construção da barragem do Assuão (23 de Setembro)

 

Janeiro Fevereiro Março
Abril Maio Junho
Julho Agosto Setembro
Outubro Novembro Dezembro

Ver síntese do ano

 

©  José Adelino Maltez, História do Presente (2006)

© José Adelino Maltez. Cópias autorizadas, desde que indicada a origem. Última revisão em: