1959
 

Agosto
Coexistência pacífica em convites de viagem, comunas populares na China e anti-americanismo de Paris

 

 

Inicia-se a instituição de comunas populares na China (2 de Agosto)

Eisenhower é convidado a visitar a URSS e Khruchtchev os EUA (3 de Agosto)

Guiné-Bissau: incidentes no porto do Pidjiguiti em Bissau, impulso que há-de levar à criação do PAIGC (3 Agosto)

Depois da retirada do Iraque, Pacto de Bagdad transforma-se em CENTO-Organização do Tratado Central, tendo como membros Reino Unido, USA, Paquistão e Turquia; o quartel-general é estabelecido em Ankara (19 de Agosto)

Incidentes fronteiriços entre a China e Índia (Agosto)

Itália: morte de Luigi Sturzo (8 de Agosto)

França: discurso de Michel Debré previne contra a servidão a uma nação estrangeira, os EUA (15 de Agosto)

Fim do sidonismo presidencial – Lei de 29 de Agosto altera a Constituição. Presidente da República passa a ser eleito por um colégio eleitoral. Fim do modelo de sufrágio universal, instituído pelo sidonismo, mas que há-de ser retomado em1976. Salazar tenta assim evitar o temido golpe de Estado constitucional.

Revolta do Pidjiguiti – Repressão de estivadores no porto de Bissau, ponto de partida para a guerrilha na Guiné (13 de Agosto). Segundo os dados do PAIGC, cerca de 50 mortos e cem feridos. Nesse ano, Baltazar Rebelo de Sousa, subsecretário de Estado da educação faz uma visita a Angola e Moçambique, em Setembro e Outubro, para elaborar um relatório político sobre os territórios, de acordo com uma ideia lançada por Adriano Moreira, nas vésperas de assumir um lugar no governo.

Janeiro Fevereiro Março
Abril Maio Junho
Julho Agosto Setembro
Outubro Novembro Dezembro

Ver síntese do ano

 

 

 

©  José Adelino Maltez, História do Presente (2006)

© José Adelino Maltez. Cópias autorizadas, desde que indicada a origem. Última revisão em: