Respublica     Repertório Português de Ciência Política         Edição electrónica 2004


<<||Home|1974-Hoje|1926-1974|1910-1926 
Políticos Portugueses da Monarquia Constitucional (1820-1910)
A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M|N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

 

 João VI (1767-1824) Governa efetivamente Portugal de 1792 a 1826, primeiro como príncipe regente e, depois, como rei, desde 1816. Instala a Corte no Brasil em 1806 e lança o Reino Unido em 1815. Regressa a Lisboa em 1821 e sofre as desventuras da independência do Brasil (1822), da Vilafrancada (1823) e da Abrilada (1824). Acreitando na instauração de uma monarquia dual, insiste nos direitos de D. Pedro IV como seu sucessor 1826).

·Nasce em 13 de Maio de 1767.

·Casa com D. Carlota Joaquina, filha do rei de Espanha Carlos IV, em 1785.

·Entre os seus filhos, D. Pedro IV, D. Miguel; Maria Teresa (n. 1793), casada com o infante D. Pedro de Espanha; Isabel Maria (n. 1801), regente de Portugal;  Maria Isabel (n. 1797), casada com o rei Fernando VII de Espanha; Maria Francisca de Assis (n. 1800), casada com infante D. Carlos Maria Isidro de Espanha; Ana de Jesus Maria (n. 1806), casada com o marquês e futuro duque de Loulé.

·Assume efectivamente a regência desde 10 de Fevereiro de 1792.

·Assume oficialmente a regência em 15 de Julho de 1799.

·Por carta de lei de 16 de Dezembro de 1815, surge o Reino Unido de Portugal e do Brasil.

·Rei desde 20 de Março de 1816.

·Em 6 de Fevereiro de 1818 é solenemente aclamado rei de Portugal, do Brasil e dos Algarves, no Rio de Janeiro.

·Parte do Rio de Janeiro para Lisboa em 26 de Abril de 1821.

·Fundeia no Tejo em 3 de Julho.

·Desembarca em 4 de Julho e jura as bases da Constituição na Ajuda.

·Jura a Constituição em 1 de Outubro de 1822. ·Vilafrancada em 27 de Maio de 1823.

·Regressa a Lisboa em 5 de Junho.

·Revolta de D. Miguel no Rossio em 30 de Abril de 1824 (abrilada).

·Regressa ao palácio da Bemposta em 14 de Maio de 1824. 

·Carta-patente sobre o Brasil em 13 de Maio de 1825.

·Assinado o tratado do Rio de janeiro em 29 de Agosto de 1825.

·Ratificado por D. João VI em 15 de Novembro de 1825.

·Adoece gravemente em 4 de Março de 1826.

·Instituído Conselho de Regência em 6 de Março de 1826.

·Morre em 10 de Março de 1826.

 

 

Jordão, Joaquim Teles  (1777-1833) Oficial do exército. Vintista, exaltado da martinhada, da extrema-esquerda, acaba como um dos símbolos do terrorismo miguelista.

·Adere è revolução de 1820, como comandante de tropas em Braga.

·Participa na martinhada de 11 de Novembro.

·Será, com o miguelismo, comandante de tropas que cercam o Porto e governador da Torre de S. Julião da Barra.

·Morto em Cacilhas em 23 de Julho de 1833.

 

 

Junot, Andoche (1771-1813).  General francês. Duque de Abrantes. Comandou a invasão de Portugal em 1807-1808. Havia sido ajudante de campo de Napoleão na campanha de Itália.

 

 

Junqueiro, Guerra (1850-1923) Abílio Manuel Guerra Junqueiro. Escritor português. Eleito deputado progressista por Macedo de Cavaleiros em 13 de Novembro de 1878.

 

 
© José Adelino Maltez. Todos os direitos reservados. Cópias autorizadas, desde que indicada a proveniência: Página profissional de José Adelino Maltez ( http://maltez.info). Última revisão em: 20-12-2003